Noite passada, antes de me deitar, pedi aos meus mentores novamente que, se fosse do interesse e útil para eles, eu fosse projetado novamente para fora do meu corpo físico e que de alguma forma ajudasse-os em seus muitos trabalhos no plano extrafísico. Com este pedido acertado, me deitei para dormir.

O primeiro sono da noite, não consigo me lembrar nada, acho que dormi como uma pedra completamente inconsciente. Mas uma coisa que já me tem sido muito comum é obter consciência em projeções no segundo sono da noite, aproximadamente entre 3 e 6 horas da manhã.

Enfim, na verdade não estava completamente consciente já que acreditava estar em uma casa gigantesca com vários quartos e salas, tendo elas decorações muito diferentes umas das outras. Foi só depois que eu saí do local e olhei para trás que percebi que era um conjunto de apartamentos! Logo tudo fez sentido!

Junto comigo neste condomínio estavam duas senhoras negras, com roupas muito brancas, como daquelas baianas tradicionais, que pesquisando um pouco descobri que são chamadas de roupas de ração, usadas na linha do candomblé. Elas variam o chão em outras “salas” que descobri que eram apartamentos, enquanto me davam instruções de onde fazer “limpeza”, que assumi no momento que era nada mais que um passe energético que deveria dar em pontos da casa e objetos específicos: “Essa casa tá assombrada” elas diziam, “O lustre tá se mexendo de noite”, ou “Acabaram de se mudar pra esse aí e não fizeram nenhuma limpeza”.

Fui passando por quartos e salas, ouvindo ou intuindo as instruções delas e aplicando meus passes por aqui e por ali, calmamente. O ambiente era muito bom e a companhia delas era reconfortante.

Terminamos e descemos até um deck com piscina que o local tinha, onde nos despedimos com um abraço e momentos depois acordei de volta no corpo, com aquela golfada de ar e batida forte do coração característico no retorno de uma projeção.

O que aprendi desta projeção

Eu já descrevi aqui no blog algumas projeções que considero muito mais empolgantes do que esta, mas acho que esta foi uma das poucas que vieram com um uso prático para o nosso dia a dia, que é o cuidado que temos de ter com as coisas que temos em casa e com o ambiente que criamos nela.

Mesmo que você nunca tenha se preocupado em como “dar passes” ou coisas assim, com qual frequência você faz uma prece dentro da sua casa? Mesmo que você não creia em Deus nenhum, mas um momento de meditação para agradecer pelo presente da vida, o presente da saúde e mesmo que a saúde e juventude falhe neste momento, o presente de ter vivido tudo isso até agora! Eu tenho a certeza da continuidade da vida fora da matéria, mas mesmo que você não tenha, de que vale ser triste dentro do lar?

Esforce-se para tornar seu lar cheio de Luz e energias positivas pois toda a vez que emanamos este tipo de energia, de alguma forma ela volta para nós e nosso lar, que é o nosso refúgio deve sempre estar cheio desta energia tanto para quando você regressar quanto o tempo todo que você estiver lá!

Muita Luz a você!


Equipe Consciência Na Luz

Recomendação de leitura da semana: A Autobiografia de um Iogue (Paramahansa Yogananda)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s