O TODO está em tudo.

Muitos nomes já demos a Ele na intenção de entendê-lo: Tupã, A Presença, Javé, Deus, O Criador, Alá e tantos outros.

Até mesmo em nossa ignorância tentamos compará-los ou negar a existência de um em relação ao outro, mas o TODO nunca teve nome e sempre teve TODOS os nomes.

Não há nada que não seja o TODO pois se isso fosse verdade, o TODO não seria. Toda a existência, a vida e a morte, a Luz e a escuridão, são facetas do TODO, pois elas fazem parte e não podem existir fora dele.

Não conseguimos nos manter na Luz o tempo todo mesmo se tentarmos, insistirmos nisso só nos faz aumentar a ignorância. A escuridão leva a destruição, mas sem a destruição não há renovação e a renovação também faz parte do TODO.

Ele contém a Luz e a Escuridão e é o equilíbrio entre as duas forças, o Sattva, já diziam os Hindus.

Somos como os santos, demônios e Deuses, apenas facetas do TODO. Níveis de consciência e vibrações da mesma Mente Universal. Somos o TODO, tudo é o TODO, que está em tudo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s